Tema

Alimentação Escolar

conselhos

A Prefeitura de Itapeva, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, vem investindo na melhoria da alimentação escolar, com princípios para promove-la de forma saudável e adequada quanto ao respeito à cultura, às tradições, aos hábitos alimentares, ao controle social, a segurança alimentar e nutricional; e para que isso ocorra adequadamente conta com profissionais habilitados para execução do programa sendo eles: diretor de departamento de alimentação escolar, 1 nutricionista e 4 técnicas em nutrição e dietética.

De acordo com a diretora do departamento de alimentação escolar Heloísa Valério Moreira “Diariamente são servidas cerca de 23 mil refeições em todas as unidades escolares, sendo 60 unidades municipais constituindo 22 de período integral, 10 escolas do ensino médio, 1 ETEC, 4 entidades filantrópicas”.

Durante este período, os alunos recebem alimentação balanceada composta pelo café da manhã, colação, almoço e lanche da tarde. O cardápio conta com frutas, verduras, legumes, carnes, grãos, laticínios, alimentos estes ricos em vitaminas, sais minerais, proteínas e fibras. O cardápio equilibrado permite atender as necessidades nutricionais dos alunos durante sua permanência em sala de aula, contribuindo para o crescimento, desenvolvimento, aprendizagem e rendimento escolar, bem como promover a formação de hábitos alimentares saudáveis.

Segundo a nutricionista Tamires Ramalho Paterniani "As Atividades desenvolvidas no setor de alimentação escolar são: Planejamento de Cardápios: Em função de vários parâmetros, é estabelecida a composição padrão do cardápio que será servido às crianças; Programação: A partir do cardápio estabelecido, é feita a programação de quantidades de produtos a serem adquiridos; Supervisão: Que garante o cumprimento dos cardápios, o preparo correto da alimentação e a manutenção da segurança higiênica e sanitária; Treinamento: Periódico realizado ao pessoal encarregado do preparo da alimentação escolar (merendeiras); Análise de valor Nutritivo: Que garante o atendimento às determinações legais de oferta de nutrientes o que preconiza a Resolução/CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de 2013; Testes de Aceitabilidade: Os produtos a serem introduzidos no cardápio escolar são avaliados sensorialmente, tanto em nível técnico, pelos profissionais do programa, como em campo, pelas crianças; Educação Alimentar e Nutricional:l A escola é o ambiente ideal para tal atividade e a alimentação escolar, onde são realizados palestras e outros trabalhos quando solicitado através de projetos desenvolvidos nas unidades escolares”.